sábado, julho 15

“Vive Parri de France !!„


Qual será a razão que leva os nossos amigos portugueses que estão imigrados em França a falar francês, mesmo que estejam entre Portugueses?
Para mim é muito curioso, pois vejo os emigrantes na E.U.A., Alemanha e Suíça que fazem exactamente o contrário, falam sempre Português entre eles apesar de todos falarem Inglês, Alemão ou Italiano.
Para mim torna-se confuso ver por exemplo muitos emigrantes radicados tanto na Alemanha como na Suíça (no caso dos emigrantes da Suíça falam Alemão e Italiano) que falam o alemão fluentemente, nunca o usarem nos seus países de origem, inclusive ensinam os filhos a falar português
Para mim isto é um mistério, e depois de muito matutar acho que cheguei a dez conclusões, e espero que os leitores me ajudem a clarificar isto.
Escrevam um comentário com um dos motivos propostos por mim abaixo.
Aqui Vai:

1°- Levaram com uma chave de rodas na cremalheira
2°- É para imitar a Lili Caneças e Castelo Branco
3°- É para ver se o ministro da economia não percebe
4°- O Avelino Torres tambem fala Francês
5°- Para o padre de Candemil lhes desancar forte e feio nas missas dominicais
6°- Aquilo não é Françês é uma mistura de Mirandês e Galego
7°- Raiosmapartam p'ra mim isto é mas é cagança
8°- O bode ranhoso tem é ciúmes.
9°- Sofrem do sindroma de Materazzi
10°- Assim não são obrigados a lêr o Clarim do Tamêga ( Jornal Camaleão )

Os Avec's são de fácil identificação:

- Conduzem veículo de matrícula amarela e apetrechado de elementos Xuning;

- A música que sai dos rádios é sempre um hip hop francês em potência máxima
que permita partilhar a música francesa com toda aldeia ;

- Vestem camisolas de alças e meias brancas provavelmente de marca Adidas;

- Vestir calças de fato de treino da Lacoste;

-
Usar as meias brancas por cima das calças de fato de treino;

-Alguns poderão usar boina e óculos de sol na ponta do nariz;

-Calçar uns ténis Nike com o máximo de cores e molas por baixo;

- Pintar o cabelo de um loiro muito estranho (mais nos casos femininos);

- Dizer "ah bom ah...", "buf buf!!", ou "Baué ah...";

- Perceber e saber falar português mas insistir em "arranhar" o francês;


-Costumam trazer um ou mais fios grossos e o telemovél ao pescoço;

- Usar a "mariconette" à cintura. Se for ao ombro também serve;

- Dizem " vai te fere chie" por tudo e nada;

-Na discoteca pedem jibi orange(como quem diz Jotabê Laranja) e dançam breakdance ao som de Shakira;

- É uma espécie que chega ao nosso país no mês de Agosto e é mais comum vê-los no interior do país e principalmente nas festas de aldeia, mas há sempre um dia na semana reservado para ir até à cidade mais próxima beber um copo à discothéque... e se possível armar confusão...

E para acabar em beleza aqui vão umas preciosidades em que eu felizmente estava presente.

Ó mon cherri comme s'il appelle une sachola au Portugal ??

outra ...
Vou fazer aqui uma casa tipo maison com janelas tipo fenetre !

mais uma..
Michel vien ici,vite. Vem aqui já seu Fi**o da Pu**a.

e mais uma preciosidade..
Mulher para o Marido no mercado em Amarante.
Regarde, le petit garrafão
Fim de citação....

Este artigo não se aplica a todos os imigrantes claro que existem muitos imigrantes em que atitude é completamente correta e séria,a esses as minhas sinceras desculpas.

um abraço aos meus amigos imigrantes.
Até á próxima.........

Moral da Historia em Latin: Vanitas vanitatum, et omnia vanitas,


(as foto-montagens do Joaquim Mendes não são usadas neste blog com sentido depreciativo e o nome Bode Ranhoso é do editor deste blog,peço-vos que não o associem ao Sr Joaquim Mendes pois tenho o maior respeito por ele)

44 comentários:

  1. para mim foi a chave de rodas na cremalheira que os deixou assim.
    Tens toda a razão bode Ranhoso estamos feitos ao bife esta a chegar agosto e veêm ás manadas.

    ResponderEliminar
  2. Isto é coisa do padre os avecs como são sado-masos gostam de levar no cabedal.
    dá-me mais ,dá-me mais
    lol lol lol

    ResponderEliminar
  3. candemil's friendjulho 16, 2006

    4°- O Avelino Torres tambem fala Francês...
    ha,ha,ha..
    Agora falando do assunto... esses avec's ate metem nojo.... vem la da aveclandia, o ano inteiro a trabalhar como PRETOS, incluindo domingos, sem sair de casa, sem ir beber um cafe... Basicamente so trabalham, e depois chegam ca e são os maiores.
    acho que essa gentinha deveria ser impedida de entrar em portugal... Porcaria ja ca ha que chegue...

    Bode... gostei da descrição desses avec's.... coincide a 100%

    Cumprimentos

    ResponderEliminar
  4. Pois é , está provado haver uma sub - espécie humana , os avecs ... E ainda estou pra saber que alteração genética sofrem os emigrantes franceses,como diz o Bode Ranhoso só se passa com eles,os outros emigrantes(alemanha ,america,suiça ) passam despercebidos.
    Tenham lá calma com os nossos avec's todos temos alguns na familia.

    Parabens Bode Ranhoso

    ResponderEliminar
  5. Hoje fui à hora de almoço a Amarante e sentado na esplanada do Conselheiro comecei a observar uma situação que lhes passo a descrever:
    Surge um grupo de pessoas à procura de mesa para se sentarem, eram 3 adultos e 2 adolescentes. A falar relativamente alto a lingua gaulesa para chamar a atenção. O casal, dito franciú falavam entre eles em françês e ao falar com a pessoa que os acompanhava falavam os dois em português correcto. Com isto, esbocei um sorriso de sarcasmo ao ver aquilo.
    Esta atitude que muitos emigrantes têm, de se mostrarem em Portugal com as vaidades adquiridas nos paises de acolhimento e com a mania das grandezas. É uma atitude prepotente e ignorante de quem necessita de mostrar o que tem, para se sentir superior aos outros.
    Andam no estrangeiro a fazer o que ninguém quer fazer e chegam a Portugal e são os Maiores.
    Têm vergonha da lingua portuguesa, a atitude deles é com o seu ar altivo de quem está no estrangeiro esqueçer gradualmente a cultura portuguesa, porque a França é que é Primeiro Mundo.
    Têm medo que serem confundidos com portugueses da santa terrinha (imagem de marca por terras francesas), mas tudo bem, fiquem com a vossa atitude que serão parolos franceses.
    Ai, ai, tristeza estas que se passam entre nós.

    ResponderEliminar
  6. Mais uma grande verdade dita aqui sem medo de nada e de ninguem.
    apesar de eu ter muita familia em frança estou de acordo com o bode ranhoso,no fim de contas perdoamos-lhes porque fora essas tretas são boa gente.
    Vamos recebe-los bem como sempre

    ei ó bode Ranhosovai te faire schier

    abraços

    ResponderEliminar
  7. O que importa aqui nisto tudo são as gajas,então vocezes querem que os avec's não venham cá mais ?????????
    e as mulas ????
    desculpem mas isso não,estive o ano inteiro á espera delas e não é agora que está a chegar o dia que alinho nisto,nem pensem !!!
    primeiro as gajas

    Só te dou os parabens depois de passar o mês de Agosto,quanto á votação escolho a n°5 - Para o padre de Candemil lhes desancar forte e feio nas missas dominicais

    ResponderEliminar
  8. E se um avec pede mais
    Nós pimba nós pimba
    E se a irmã for boa
    Nós pimba nós pimba

    Ganda Bode cada vez estás mais ranhoso

    Eu voto na numero 10°
    Assim não são obrigados a lêr o Clarim do Tamêga ( Jornal Camaleão )

    ResponderEliminar
  9. almeida .Fjulho 17, 2006

    Pobres tipos vêem por aí abaixo para passarem férias no Portugal Português e nós saltamos-lhe encima sem dó nem piedade.
    Vamos lá rapazes,vamos ter um bocado de tolerancia ,um mês passa rapido.

    Abraços a todos os maroneses

    ResponderEliminar
  10. é a pior raça que pode haver bem como os Suiços que é amesma merd* com os seus carros equipados com as abofadeiras e palas traseiras ,santa ignorancia

    ResponderEliminar
  11. devias ter vergonha bombeiro sabes onde estás e vens com este chauvinismo hipócrito tem vergonha e naõ venhas á nossa aldeia és a pior especie á face da terra nem te comparo ao mais reles parasita

    ResponderEliminar
  12. Vocês falam falam e nós falaremos sempre assim ,vocês precisam do nosso dinheirinho é que agora com os problemas economicos que ha em Portugal, nao sei quem é que chora mais. Mas estais sempre a espera dos emigrantes para poder aumentar um pouco os preços (visto nas feiras e vendas no mês de agosto...).
    o emigrante pode ser um grande burro nos olhos do povo portugues que vive em Portugal, mas o emigrante nao é cego.
    Nao sei quem tem mais dor de cotovelo

    cumps da Aveclândia

    ResponderEliminar
  13. Fonseca .Ojulho 17, 2006

    Há palavras que me remoiem o intestino.
    É o caso dos Avec’s. Não aguento o verdadeiro Avec. Os emigrantes, ok suporto, pois são os tugas que estão fora e tal, mas os emigrantes Avec’s, aqueles que quando chegam a Portugal continuam a falar aquela malfadada língua, eu passo-me… Pior é quando tentam falar português e PIMBA, lá vai uma palavra em franciu… Não vou falar mais destes personagens, pois vocês sabem de quem falo, e não é por nada, já estou a ficar com um entorse na bexiga só de os imaginar…

    saudações

    ResponderEliminar
  14. Não quero que fique a impressão errada de que, simplesmente não gosto de emigrantes...Isto não é verdade, pois acho que todos somos livres de lutar pelo nosso futuro e pelo nosso bem-estar onde quer que seja, e principalmente, onde as condições são mais favoráveis, e nunca esquecendo as origens. Também não sou crítico prejurativo em relação a modas, como já disse a liberdade é para mim um valor supremo (apenas acho cómico certas coisas...não consigo controlar). Só não suporto é a atitude altiva, roçando mesmo o arrogante e estupidamente estúpido, com que ALGUMAS destas pessoas chegam ao nosso país e simplesmente nos invadem durante estes meses de Verão.

    ResponderEliminar
  15. Falta apenas uma característica: quando estão bem-dispostos dizem "Michel, vien ici!!!"; mas quando corre mal dizem "Anda cá filho da p***!!!".

    Um abraço

    ResponderEliminar
  16. Esses gajos são uns boiolas pah! Gosto especialmente quando misturam o francês com o português para dar o belo do raspanete aos filhos... São de facto uma espécie peculiar.

    ResponderEliminar
  17. so escrevem no teu blog quando escreves merda e eles merda escrevem

    ResponderEliminar
  18. ainda há emigras como o bombeiro que não é avec mas é meio past alemão que fazem alguma coisa por candemil só a foto dele tirada no espelho do elevador com o seu estilo á metaleiro badalhoco é demais tem corrido mundo mas que divulgação faz a candemil.

    ResponderEliminar
  19. Ciúmes querido ? no teu blog ninguem escreve é.
    Deixa-lá pá sabes que não és tu a medida mestra do bom e mau,o que dizes que é bom se calhar é muito mau e o que achas mau é muita bom ,tu se calhar é que não vêz isso e andas a enganar-te.
    Pois é eu sei que ser uma nulidade dói mas vais ter que aguentar as dores
    abraços

    ResponderEliminar
  20. candemil's friendjulho 18, 2006

    Caro "Avec".
    Achas que é com a meia dúzia de tostões que vocês vem cá gastar durante um mes que Portugal vai para a frente?
    Não fales daquilo que não sabes.
    Vocês vem para cá, dão mais despesas que proveitos.
    Se te preocupas tanto com a economia portuguesa porque é que tu, e os teus amigos chegam a Espanha, mesmo antes de entrar em Portugal, abastecem os depósitos dos vossos xuning´s e depois tentam, quando vão embora levar o mínimo de combustível para depois voltar a abastecer lá?
    Porque é que quando vêem de avião não escolhem por explo a TAP para usarem os serviços portugueses?

    É uma preocupação da treta...

    Vocês são descriminados porque querem... há tantos outros imigrantes que não se vem para cá armar...
    Mas vocês gostam de ser diferentes...

    Cumprimentos

    ResponderEliminar
  21. com esta tua treta queres fazer nosacreditar que há emigrante de 1º(suiços) e de 2º (Franceses) e acho que tens razão, é capaz de haver excessos nos franceses mas sabes muito sabem que maior parte já investiu em Porugal construindo as suas casas e tu? vives na casa do papá nada fazes pela nossa terra ,alugas um carro e metes a maquina de fotos ao ombro e achas te superior,mas digo te, só se for em burrice

    ResponderEliminar
  22. Estás mesmo abatido amigo,o que se passa contigo ?,va-lá força reage,não deixes que estas coisas te deitem abaixo,sabes que és infinitamente inferior a mim e isso é o que te moi a cabeça,mas se reagires e lutares vais ver que mudas a situação,vais continuar a ser inferior a mim ,mas vais pensar que és melhor,mas só tu consegue ver isso,para os outros á tua volta continuarás a ser uma ameba.

    abraços para ti meu amigo

    ResponderEliminar
  23. Baué ah,pitain de la merda!!!! alguém tem que defender os 'avecs',e este anonimus acima fica-lhe bem essse papel.
    É mesmo a maneira de ser de um colega que temos aqui na aldeia,não vou dizer o nome mas que parece ele parece.
    Tem a mania que sabe tudo e nós deixamos pensar assim,ele gosta tanto de Avecs como o Bode,mas esta só a armar-se em bom como sempre.

    ResponderEliminar
  24. QUANTO A TI BODEZINHO

    IGNORÂNCIA
    Nunca encontrei uma pessoa tão ignorante que não pudesse ter aprendido algo com sua ignorância.

    NEM,QUE SEJA ESTUPIDEZ
    Todo homem que encontro é superior a mim em alguma coisa. Por isso, dele sempre aprendo alguma coisa.

    O ANALFABETO QUE SABE LER
    Os verdadeiros analfabetos são os que aprenderam a ler e não lêem

    É JUSTO BATER NOS INDEFESOS

    “Os garotos maiores batem em mim, portanto eu bato nos bebês. É justo.”

    ResponderEliminar
  25. Estou pasmado contigo,já reparaste,mas agora fora de brincadeira,que isto tudo que escreveste(copia)se aplica direitinho a ti?

    Ora vê lá:
    IGNORÂNCIA
    Nunca encontrei uma pessoa tão ignorante que não pudesse ter aprendido algo com sua ignorância.

    ***Tu és ignorante e mesmo assim não aprendes nada contigo****

    NEM,QUE SEJA ESTUPIDEZ
    Todo homem que encontro é superior a mim em alguma coisa. Por isso, dele sempre aprendo alguma coisa.

    ***Encontraste-me a mim e por isso aprendes muita coisa****

    O ANALFABETO QUE SABE LER
    Os verdadeiros analfabetos são os que aprenderam a ler e não lêem

    ***Exatamente como tu lês os meus posts e não os percebes,para ti são chinês,não sabes lêr******

    É JUSTO BATER NOS INDEFESOS

    “Os garotos maiores batem em mim, portanto eu bato nos bebês. É justo.”

    *** Só na tua cabecinha deparvada ou então em curto-circuito pode achar isto justo.***
    O homem quanto mais idade,tem a obrigação de conseguir controlar as emoções e saber definir o que é justo e o que não é,pelo menos o homem normal,claro que tu com essa obsessão que nutres pelo bode prova que és um tipo sem o menor controlo emocional sobre ti mesmo.

    O BODE RANHOSO É A IMINÊNCIA PARDA QUE POVOA OS TEUS SONHOS E OS TRANSFORMA EM PESADELOS.

    Com amizade do teu amigo Bode Ranhoso

    ResponderEliminar
  26. 1º- É impressionante como tentas virar o bico ao prego, ignorância estupidez e analfabeto que sabe ler ,são características que se aplicam integralmente á tua pessoa .

    2º- És um indivíduo que nasceste deslocado se calhar terias um papel de relevo num regime absolutista ou autocrata, não consegues nem nunca conseguiras viver em democracia, assim que surgiu uma opinião no teu blog da treta diferente da tua, tentas silenciar,mandas os teus “cães de guarda”insultar.

    3º- És um indivíduo que se alimentas dos insultos, repara que quando escreves sobre o Miguel Torga e BEM, postagem que impossibilitava o insulto logo mudaste para temas que são mais susceptíveis de insulto: sobre a selecção em 14 comentários 7 são insultos ,sobre os emigrantes em 25 comentários 11 são insultos confundes liberdade de expressão com liberdade de ofensa devias saber muito bem que a tua liberdade termina onde começa a liberdade do outro..

    4º-É justo bater nos indefesos isso é a única justificação que tu encontras,”bates” em pessoas indefesas porque impossibilitas a defesa dessas pessoas ao esconderes-te a traz de uma “ máscara ”, resumindo és um puto que “bate” em bebés.

    5º- Não me chames de amigo, não sou teu amigo e jamais serei teu amigo.

    ResponderEliminar
  27. Estás mesmo doente,agora está provado,a minha sombra não te larga.
    Eu sou a razão da tua existência.

    Vê as razões aqui:

    1°- dizes que sei lêr e escrever portanto não posso ser analfabeto,mas se fose era igual,não morria por isso.

    2°- Eu, absolutista e Autocrata e não consigo viver em democracia,se assim fosse não permitia que escrevesses aqui e como vês os teus comentarios da treta estão aqui publicados todos podem vêr isso

    3°- Este blog coisa que já te exliquei centenas de vezes,mas como o teu cerebero trabalha a diesel,é sobre coisas reais que toda a gente pode costatar que são reais e cada um é livre de escrever o que achar por bem e arcar com as consequências se isso for um erro,isso é a democracia.
    Os artigos sobre o Miguel Torga fizeram mais estragos que todos os outros juntos,está lá escrito
    e direcionado a uma certa cambada e eles perceberam bem,basta eu ver as ameaças que recebi no meu mail,és a inocência em pessoa o teu problema é que tens o intestino grosso ligado diretamente ao cerbero.

    4°- És tão inocente como idiota,que moral tens tu meu idiota de meia tigela vir aqui assinar anonimo e ainda por cima dizer que eu é que escrevo atras de uma mascara,deves julgar que somos idiotas ou quê?,
    cago-me a rir com as tua treta começa a assinar com o teu nome ou tens medo.
    Sê homem e assume quem és.
    Eu Bode ranhoso todos sabem quem sou ,mesmo tu

    PS:essa de bater em bébes é boa ,só podia ter sida escrita por ti as pessoas de que falo têm mais afinidades ao Al Capone que propriamente a bébés,resumindo e concluindo és um Pobre Rato.

    O BODE RANHOSO É A IMINÊNCIA PARDA QUE POVOA OS TEUS SONHOS E OS TRANSFORMA EM PESADELOS.

    Um abraço do teu Grande amigalhaço BODE RANHOSO,

    ResponderEliminar
  28. leite irenejulho 19, 2006

    O Granda bode!

    Ri-me tanto ao ler o teu comentàrio! Eu sei bem como pensam os nossos irmaos Portuguêses ao verem chegar a portuguesada de França. Eu vivi até aos 9 anos em França, fui para Portugal, onde estudei, até aos 17 e meio e, meus pais estando cà para verem se a vida lhes corria melhor, trabalhando, é verdade, como negros ( esta palavra nào é pejurativa), continuei aqui, mas com a firme intençào de voltar ao meu pais que é a mais bela joia do mundo. Observei , quando cà estava como se comportavam muitos emigrantes e como certos falavam, o meu Pai o primeiro. E claro que faziamos pouco dele, com as minhas irmàs( e de outros). Lembro até ele me ter castigado porque insisti com ele que em Português, nào se diz "casque", mas sim "capacête"( serà que mudou?)
    Por isso, Pus um alinea no meu codigo de honra em ensinar eu propria a nossa lingua às minhas filhas, usamos internet para nos abrirmos com os lusos que estào longe , espalhados pelo mundo. Quando vamos a Portugal, "-é em Português que se fala!!"
    Mas o que dizes é a verdade, muitos nào compreenderam ainda que , mesmo estando longe, temos a sorte de falarmos outra lingua-A NOSSA!-, temos a nossa cultura enraizada no nosso coraçào, e lamento dizer isto, mais ainda tens razào, alguns jovens parecem ter vergonha de ter as origens portuguêsas, outros, como o filho dos meus vizinhos,( màe Madeirense, pai Françês), naturalizou-se Português, apoiou a seleçào durante o mundial( tal como eu ).
    Bom, estou e eternizar-me,mas deixai-me dizer-vos:
    Tenho honra de ser Portuguêsa, tenho muita honra de vos, Portuguêses, porque sois simples e umildes, porque sempre me acolhestes com muito carinho, o que nem sempre foi o caso com os françêses para connosco.

    E nào faz mal, se nào gostares de nos quando ai vamos, EU e MINHA FAMILIA vos amamos de todo o meu - o nosso- coraçào!!!!!!!

    ResponderEliminar
  29. Olá Irene
    Eu nunca disse que não gostava dos imigrantes Portugueses em França,tenho muitos amigos e familiares que respeito muito por serem na verdade boa gente e trabalhadora,o que a mim faz confusão é só o que mencionei acima ,nada mais que isso.
    Respeito a vossa força,trabalho
    ,ganas,a vossa disponiblidade e amor ao país.
    Só fico confuso quando vejo os outros emigrantes(outros países) a passarem despercebidos e vocês não, eu só gostaria de saber a razão,nunca foi minha ideia rebaixar ninguem,quem sou eu para fazer uma injustiça dessas.
    É claro que isso não se aplica a todos os imigrantes Franceses.
    O sentido que a maioria das pessoas esta a levar este artigo é errado.

    As melhores saudações

    PS:Peço que não me leve a mal o artigo que escrevi,e para fazer um pouco de justiça vou fazer uma modificação no artigo.

    ResponderEliminar
  30. António Guerrajulho 20, 2006

    Parabéns Irene
    o seu comentário mostra que não são todos iguais,o pessoal mais velho,até se atura bem o problema são estes jovens Luso-Descendentes que chegam aqui e pessam que é tudo deles e ainda nos gosam.
    Gostei muito de ler o seu comentario,equilibrado e sincero.
    mais uma vez parabens

    António Guerra - Famalicão

    ResponderEliminar
  31. Olà, Bode Ranhoso!

    Por favor, nào te desculpes. Quando eu disse que me ri, ri-me mesmo de coraçào aberto, até mostrei ao meu marido que se riu também, tu caricaturaste muito justamente o comportamento da "francesada".
    Eu nào levei absolutamente nada a mal, sabes que aqui, essa "francesada" existe a tempo completo O ANO INTEIRO e, como sou de Amarante ( duma freguesia pertinho da tua), vejo-os quando ai vou...
    Mas sào mais os jovens que assim se comportam ( também nào sou assim tào velha, com 36 anos, nào é verdade?)penso ter uma optica vasta e larga, mas também nào aceito certos comportamentos,sobretudo vindo das minhas filhas, e por ter uma delas jà com 16 anos, o que quero acima de tudo é que elas respeitem as suas origens ,a nossa cultura, A NOSSA GENTE.
    Compreendi bem em que sentido o artigo foi escrito , e na realidade, levei tudo ao 2° grau, mesmo se tens razào.
    Depois de ler os comentàrios todos, refleti nessa tua questào: "- Porque serà que os outros imigrantes passam despercebidos, e os francêses ( que sào Portuguêses ) , nào?"
    Tenho cà uma ideia pequenina. E que aqui, em França dizem que estamos num pais de " acolhimento". Todas as raças ( no sentido nacionalidades, porque raça , hà so uma, é HUMANA) estào aqui( até mesmo as que nào supunhava existirem). Depois, concentram-os em bairros chamados aqui" cités", onde està tudo misturado etnicamente, o que pode armar confusào, como aconteceu em Novembro 2005, mas isto jà é outro problema.
    O que quero dizer com isto, é que na Alemanha ou na Suiça(e outros paizes), é muito dificil aos nacionais de se misturarem com os imigrantes. Fui à Alemanha onde o meu marido tem familia, e à porta dum café , estava escrito " Interdito aos càes e turcos".
    Isso também nào.
    Talvês a França seja demais tolerante para com a imigraçào, ao ponto que alguns se sitam aqui muito bem.
    Mas quando vào armar-se para Portugal, penso que é para mostrar que existem, tanto fisicamente como psicologicamente.Também é o momento de relaxamento, tal como disseram no teu blog, aqui nào dà para sair, e quando ai chegam, é para esquecer o trabalho.
    Queria dizer mais uma coisa, o Português é o imigrante que se integra melhor nos paises acolhedores, porque respeita ao possivel quem os acolhe. Sào discretos, trabalhadores, têem palavra mais sagrada que qualquer contrato, e isto tudo està escrito na genética, porque SOMOS PORTUGUESES!!
    Entào, cambada, nào se vào armar para o nosso Pais, e aprendam as palavras do nosso Hino Português para poderdes compreender a NOSSA HISTORIA!

    Continua com o teu trabalho, querido Bode Ranhoso, que é espectacular. Tenho assim novidades da minha terra a través de olhares diferentes e continua com o teu " franc parler" ( Oups! I did it!!)

    Saudaçoes , Antonio Guerra!

    Um abraço do tamanho do mundo à minha terra!

    ResponderEliminar
  32. Olá Irene
    Começa-se a fazer luz na minha cabeça
    agora que você me elucidou,acho que tem razão.
    Por altura do Mundial eu vi alguns jogos em lugares públicos constatei que os emigrantes Suiços e Alemães ,(ao contrário dos Franceses) nunca queriam que os seus paises de acolhimento ganhassem eram sempre contra eles fosse com quem fosse que jogassem e falam quase sempre depreciativamente sobre os dadores de emprego e sobre o povo(Alemão e Suiço)talvez isso provoque instintivamente,afastamento e aversão a tudo o que provenha desses países,e só falam a lingua deles quanto necessitam isto é, no trabalho.
    Tem lógica a sua reflexão.
    Foi um prazer ter-vos aqui neste Blog,na verdade este blog estava a precisar de frontalidade e espirito aberto,continuem a aparecer e escrevem mesmo que não estejam de acordo com algum artigo digam-no abertamente.

    UM GRANDE abraço para Vocês Todos e muita Saúde.

    ResponderEliminar
  33. São um espetáculo ,descrição boné ,fato de treino e carros artilhados com a Águia do benfica, são pirosos ao máximo e depois á aquelas histórias do Michele que foi nadar para o rio e ás tantas encontra se atrapalhado e a mão grita Michele rien ,rien ,rien.e depois o puto anda em cima de um muro e a mão diz lhe michele tu va tombe ,michele tu va tombe ás tantas o puto cai e a mãe diz lhe Filho da pu** eu não disse que ias cair.

    ResponderEliminar
  34. almeida josé-amtjulho 23, 2006

    O Irene conseguiu convencer-me que afinal também á Avecs com estilo.
    um abraço a todos principalmente ao nosso Grande Bode.

    ResponderEliminar
  35. Oh meus amigos longe vão os tempos em que nos podiamos rir com alguns comentários aqui deixados... Agora a insultarem o BOde ranhoso??? Não posso, 1º porque ele foi o pioneiro a fazer um blog sobre Candemil e 2º pq por mais q o detestem ele só diz verdades!!! Santa paciência

    ResponderEliminar
  36. Oh avec? Nós precisamos do vosso dinheiro para quê? Estás em frança a limpar a merda dos outros

    ResponderEliminar
  37. Uma vez que ninguem ainda frisou o teu aniversário quero te dar os parabens pela tua inesistencia o, teu amigalhaço.

    ResponderEliminar
  38. Muito Obrigado
    Os amigos são assim lembram-se sempre de nós.

    abraços

    ResponderEliminar
  39. Tuga - Alemanhajulho 28, 2006

    Olá PPL
    a Irene tem razão nós aqui na Alemanha
    não gostamos dos destes tipos e mai nada,é assim,são uma cambada de racistas e os tugas daqui ficaram todos contentes quando a Alemanha foi eliminada,o problema foi depois nós termos perdidos com eles.
    Lixaram-nos a mona á fartazana.

    Viva todos os TUGAS

    ResponderEliminar
  40. vitor- Amarante-Lionjulho 28, 2006

    Por mim falo, é verdade o que diz o bode,eu tento mas quando vou a ver estou a falar francês,mas daí a verem-nos como arruaceiros acho um pouco exagerado pode haver alguns mas não somos todos assim.

    cumps ao Bode a a vocês todos

    ResponderEliminar
  41. bem eu acho que os avecs que voces falam sao os avecs que querem ser alguem pois acham que mostrar ser alguem é mais importante de que ser portugues e tem vergonha de ser portugues.
    Eu nunca morei em portugal sou filho de pais portugueses mas serei sempre portugues mesmo nunca ter convivido com os portugueses.

    Bode para mim es um Campeao
    gosto muito de ler o teu blog

    ResponderEliminar
  42. Antes de mais nada, parabens.
    A verdade por vezes doi, e este é um dos casos, mas não podemos negar que grande parte dos imigrantes em França são mesmo como os descreveste, e depois esquecem-se que o pessoal que esta cá já não é como era à anos atras, e que muitos de nos sabemos falar frances, e percebemos as idiotices que dizem.
    Depois veem com a mania de que a França é que é a melhor, e com invensões tipo:
    - la já ha a play station 3 (pois pois)
    - Este filme ja estreou a mais de um mes (filmes com estrei agendada para uma data a nivel mundial)

    A verdade é que eles são meios parvos, basta que eles nem conhcem paises africanos, para eles é so bezerros, tudo bezerros.

    Para acabar, quero deixar uma venia à Sra. Dona Irene Leite-

    ResponderEliminar
  43. Emigrante Lusitanoagosto 13, 2006

    Sim é verdade que existem emigrantes assim e também é verdade que muitos deles até não vivem por aí além para se irem exibir (atenção não se aplica a todos) e eu até tenho vários conhecimentos disso, como um amigo português que vive com os pais da esposa e as suas duas filhas numa casa com 2 assoalhadas mas comprou um BMW descapotável só para ir a Portugal mostrar aquilo que não tem, mas também é verdade que nem sempre precisamos de trabalhar de sol a sol para se conseguir alguma coisa nos paises estrangeiros, eu trabalhando as mesmas horas que o português no seu país ganho 3 ou 4 vezes mais por dia e o ordenado minimo em Inglaterra dá perto de 1500 escudos á hora, trabalhando 8 horas, façam as contas, claro que e por acaso Inglaterra até não é um paraíso para os emigrantes, desde o racismo até á vida ser um pouco mais cara que em muitos países da Europa com excepção de França e de Portugal e aí é que está o grave problema, a vida em Portugal é muito cara para os salários médios,fecham-se fábricas e hospitais, o povo português é muito mal pago, mas os senhores administradores e políticos portugues são dos mais bem pagos do Mundo o que por outras palavras faz do português assalariado, um escravo, pois muito trabalha e os ricos é que vivem dos benefícios desse trabalho e no mínimo, onde andam as condições sociais de apoio a desempregados e idosos?

    ResponderEliminar
  44. e pensam que os portugueses em frança apoiavam a selecçao francesa??????

    voces falam do que nao conheçam!!!

    Ouvi aqui tantas coisas sem jeito

    Eu vou todos os anos no meu pais (PORTUGAL) e numca ouvi ninguem dizer essas piadas a um emigrante so se houve num blog ( é mais facil e menos perigoso se calhar !!!)

    Eu venho com minha namorada ( francesa) e queriam que falasse com ela em portugues?????

    Otra coisa, o governo portugues nunca fez nada para o jovems nascido no estrangeiro, numca tive cursos de portugues!!! (como muitos) para aprender o portugues, a historia portuguesa, geografia.....Os meus pais, no principio travalhavam muito e nao tinham tempo para todas essas coisas

    Os jovems em frança gostam mais de portugal que voces todos aqui

    Dizem que alugamos carros type mercedes?????
    So que os frances dizem que somo nos (em frança) que temos os melhores carros.(se calhar alugamos carros para todo ano!!!)

    Para estar bem integrado num pais tem de se falar a lingua de pais de nos acolha e aqui vivemos 11 meses por ano e que mal fazamos a voces todos se falamos em frances?????tira vos o sono??


    Eu so quero que voces cuando encontram un avec desse tipo dizem a esse tudo que ouvi ca!!!!num blog isso é muito mais facil

    e venham ca ver antes de falar

    ResponderEliminar

Deixe aqui a sua marrada.
O Bode Ranhoso agradece a sua Chifrada.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...