segunda-feira, março 12

O Reverso da medalha


Nos últimos dias, a Direcção Nacional de Viação e Trânsito (DNVT) de Angola apreendeu duas dezenas de cartas de condução a cidadãos portugueses.
De acordo com uma fonte da DNVT, a medida está a ser aplicada em Angola desde a passada sexta-feira, quando as autoridades de Luanda fizeram saber que os cidadãos portugueses deixaram de poder conduzir naquele país com cartas passadas por Portugal.
Isto é reciprocidade, algo que os políticos portugueses utilizam pouco ou nada, para mal dos portugueses espalhados pelo mundo.
Quando os portugueses são maltratados em Inglaterra, Holandês, etc., nós por cá andamos com eles ao colo e alegamos diplomacia.
Se ao menos os nossos políticos nos defendessem assim, tenho a certeza que seriamos muito mais bem tratados o Tuga vai trabalhar e é maltratado!
Tratamentos iguais para lutar pela dignidade de cada pessoa!
É de louvar a atitude do governo angolano, não é nada contra Portugal como muitos dizem, é sim reciprocidade, em Portugal o angolano é levado à justiça e lá a carta é apreendida. Na Suíça a carta portuguesa não é valida para os portugueses que tiram a carta em Portugal depois de obter a permissão B, e ninguém (políticos) reage nem tentam resolver o problema, com esta atitude solidária,
Angola vai obrigar o Governo Português a resolver o problema, e rapidamente.


Res ab exitu spectanda et dirigenda est......

Até á próxima.........


(as foto-montagens do Joaquim Mendes não são usadas neste blog com sentido depreciativo e o nome Bode Ranhoso é do autor deste blog,peço-vos que não o associem ao Sr Joaquim Mendes pois tenho o maior respeito por ele, sobre as fotos-montagens não estão relacionadas com os artigos é só uma forma de mostrar a outra face deste mundo)

17 comentários:

  1. Eduardo Costamarço 15, 2007

    Pecou por tardio. Desde 2006 que a carta angolana não era válida em Portugal. Angola só agora tomou a mesma posição. Governos portugueses socialistas só fazem disto. Agora os portugueses em Angola só conduzem com carta angolana, o exame é igual ao código da estrada em vigor em Portugal em 1974, facil, muito facil ...

    ResponderEliminar
  2. jose ferreiramarço 15, 2007

    Os angolanos deviam prender e expulsar TODOS os Portugueses que lá estão (INCLUINDO OS COOPERANTES) e os Portugueses devian prender e EXPULSAR TODOS os Angolanos (INCLUSIVE OS QUE TRAFICAM DIAMANTES E OUTRAS COISAS). E TODOS viveria-mos felizes e contentes.Os Portuguesers teem muitos outros países para onde podem ir e serem bem recebidos

    ResponderEliminar
  3. muxima portuguêsmarço 15, 2007

    Convem aí essa rapaziada do Ministério dos Negócios Estrangeiros em Portugal resolver essa coisa rapidamente com as autoridades Angolanas, pois de outro modo ficamos privados de nos dias de folga podermo-nos deslocar à praia. É que aqui faz muito calor!!!

    ResponderEliminar
  4. Bem feito. Andaram todos contra o Mantorras só porque é do Benfica. Lei de Talião. A partir de agora se existir algum presidente ou elementos de alguma direcção de um clube de futebol falido em Portugal que queira pirar-se para Angola tipo aquele ex-presidente do Sporting... vai ter de andar de chibombo ou contratar um motorista autóctone.

    ResponderEliminar
  5. Se a carta dos Angolanos não é válida em Portugal, porque razão a dos Portugueses há de ser válida em Angola?!? Ninguém é mais que ninguém... Ou julgam que nós, portugueses, nascemos em berço de ouro? E desde já deixo bem claro que sou portuguesa de nascença...

    ResponderEliminar
  6. José A Diasmarço 16, 2007

    Sim, o governo de R.P.Angola fez muito bem em não considerar válidas as cartas de condução dos portugueses. Só que se esqueceram de restituir o que nos foi roubado depois do 25 Abril, e das ajudas de Portugal a esse Pais, e nós é que somos os maus...

    ResponderEliminar
  7. Manuel Silva Natal Brasilmarço 16, 2007

    Trinta e dois anos depois a espinha da independência das ex-colónias ainda está encravada nas nossas gargantas! Por amor de Deus! Deixem-se de comportamentos mesquinhos... Porque é que as cartas de condução dos PALOP não são válidas? Serão eles que andam nas nossas auto-estradas na contra-mão?!

    ResponderEliminar
  8. Ao governo de Angola, que fez uma lei á pressa, para tratar com reciprocidade os portugueses que vivem em Angola, não se devia esquecer, que em Angola já houve portugueses condenados á morte pela vossa lei. Não estarão os portugueses no mesmo direito de exigir uma lei reciproca para os Angolanos que em portugal cometem os mesmos crimes que os portugueses em angola? Sr presidente de Angola, medite, e não seja comodista só para o seu lado.Ajude mais o seu povo que bem precisa, e não ande com estas intrigas.

    ResponderEliminar
  9. Humberto Barbosamarço 16, 2007

    Já é tempo de sermos adultos e deixem-se de retaliações de mau critério...Já é tempo de trabalhar a sério para bem dos dois povos irmãos,os arrufos não levam a lado nenhum...

    ResponderEliminar
  10. Rui Oliveiramarço 16, 2007

    "Não percebo porque Portugal tem que aturar estes ditadores!!"

    é fácil pá!!! portugal tem lucros disso, logo os ditadores acabam por ser um mal menor para os governantes!

    ResponderEliminar
  11. Zé Da Fisgamarço 16, 2007

    Estou plenamente convencido que os nossos governantes mais uma vez vão arrear a calcinha e ceder. Enfim coisas de quem precisa já nem no orgulho somos ricos!...

    ResponderEliminar
  12. Paulo Coelhomarço 16, 2007

    Mário Soares não soube gerir a descolonização, nem teve capacidade para se relacionar com o Estado Angolano e em especial com José Eduardo dos Santos.
    José Sócrates para não fugir à tradição do partido socialista, colocou em causa as relações com Angola por uma simples questão burocrática.

    ResponderEliminar
  13. Este país compara-se com algum país da UE? Qual? Cartas compradas é o que n deve faltar por essas terras lusas... Nós os PALOP é que estamos lixados pq fomos colonizados por vçs, e graças aos BONS PROFESSORES que tivemos, aquilo é o q é, pq se fossemos colonizados por UK ou FRANCESES nada disto estaría acontecendo. Pq é q os Brasileiros não sao submetidos aos exames? Pq estão ao mmo nível que vçs? será isso? Mesmo nível não digo, mas superiores SIM.

    ResponderEliminar
  14. Maka grandemarço 16, 2007

    Eu sou estudante angolano e estou em Portugal há quase 10 anos. Quando cá cheguei conduzi com a carta angolana e nunca tive problemas, apenas tinha que me fazer acompanhar do passaporte para verem em que altura tinha entrado no País. A legislação na altura defendia que os cidadãos angolanos podiam conduzir em Portugal durante o tempo de visto, desde que não ultrapassassem os 6 meses. Após os 6 meses eram obrigados a trocar de carta e que para isso tinham apenas que reunir certos documentos, nomeadamente comprovativo da carta angolana, a própria carta, atestado médico, documento do consulado angolano, etc.
    Acontece que, e é do domínio público, ao longos do últimos anos tem-se verificado que muitos documentos angolanos deixam muito a desejar em termos de veracidade, e face a este problema as autoridades portugueses viram-se obrigadas a tomar medidas para contornar esta situação, o que é normal. Então nessa altura e só nessa altura, é que se tomou a decisão de exigir aos angolanos um exame de código para poderem conduzir em Portugal.
    Portanto, é falso quando a tal fonte da DGV alega que a carta angolana nunca foi válida em Portugal. Hoje tenho carta portuguesa e não fui sujeito a nenhum exame para tal.
    Apoio a decisão de Portugal de incluir o tal exame, uma vez que salvaguarda os interesses dos automobilistas e dos cidadãos.

    OBS: falo apenas de Angola, porque é a realidade que conheço

    ResponderEliminar
  15. Etelvina Silvamarço 16, 2007

    Começo por dizer que sou branca, e portuguesa nascida em Portugal. Posto isto digo que não podia estar mais de acordo com o que está a acontecer. Por que carga de água Angola não devia responder com a mesma moeda. Meus amigos saudosistas, as coisas mudaram e ainda bem.

    ResponderEliminar
  16. Ze Alentejano USAmarço 16, 2007

    Ora entao que se poderia esperar do Governo Angolano. Olho por olho...dente por dente! Lei estupida da parte de Portugal, ate que e um Pais Irmao. Sinceramente nao vejo o Objectivo da Lei. Funciona assim com o resto das Naçoes? A nao ser claro, que isso implique, meter $ nos cofres do Estado, para se ter uma carta Portuguesa. Nos USA, tirar carta de conduçao fica - $100 USD, Portugal talvez + um zero

    ResponderEliminar
  17. So é pena que Portugal não faça o mesmo em todos os sectores, incluindo nas ajudas que da a Angola, pois que esta nao precisa, como tambem que faça retornar todos os Angolanos ilegais para Angola. O mesmo acontece com Portugueses que vivam em situação ilegal em Angola. PORTUGAL DEVE PARAR JA COM AS AJUDAS AOS PAISES COMO ANGOLA E MOÇAMBIQUE.

    ResponderEliminar

Deixe aqui a sua marrada.
O Bode Ranhoso agradece a sua Chifrada.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...