sábado, dezembro 29

Para cá do Marão



Flavienses, não desistam de lutar, nunca deveriam ter deixado fechar a maternidade, agora dificilmente vão conseguir voltar a abri-la.
Eu só digo isto: Têm bom remédio! Em 2009 cortem o tacho à deputada socialista eleita pelo distrito!
Deve-se ter calado, conivente com a situação triste a que assistimos em Portugal! Não a elejam pura e simplesmente!
Afinal qual o papel da deputada socialista (Paula Barros) eleita pelo distrito? Não devia ser ela a lutar pelo povo que a ajudou a arranjar tacho? Está caladinha como um rato, alapou o rabo no parlamento e está cómoda e feliz, deixou-se amordaçar pelo maquiavélico ministro e pelo sistema, a decisão do Sr. ministro é mal fundamentada e é norteada apenas para poupar uns Euros e mais nada, são decisões que não o afectam nem aos seus e por isso é tão radical que nem dá a hipótese como o fez em Elvas, que podem ir a Badajoz, as mulheres Flavienses poderiam ir parir a Verín que fica mais perto (20Km), o Sr. Ministro e cambada modificaram o velho ditado em, para lá do Marão que se lixem os que lá estão, cabe agora aos transmontanos mostrar sem receios que o verdadeiro ditado é, PARA CÁ DO MARÃO MANDAM OS QUE CÁ ESTÃO.
O voto é a arma que o povo tem para abater esta cambada de chulos.


Lema da história em Latin: Valentes recte consolantur aegrotis ....


Até á próxima.........



(as foto-montagens do Joaquim Mendes não são usadas neste blog com sentido depreciativo e o nome Bode Ranhoso é do autor deste blog,peço-vos que não o associem ao Sr Joaquim Mendes pois tenho o maior respeito por ele, sobre as fotomontagens não estão relacionadas com os artigos, são só devaneios do Autor)

11 comentários:

  1. É assim que se quer contribuir para a fixação da população no interior? Chaves fica a 60 e tal Km de V. Real, uma urgencia no Hospital de Chaves a funcionar em pleno justificava-se plenamente. Ainda por cima serve concelhos limitrofes que ainda estão mais distantes da sede de distrito.Só compreendo esta atitude se o Hospital de Chaves tiver um helicópetro permanente para as evacuações de urgencia.

    ResponderEliminar
  2. Paulo Correiadezembro 29, 2007

    Vi na televisão o povo com a bandeira espanhola. Pergunto então, a mim mesmo, se faz sentido, hoje, festejar o 1º de Dezembro. Os senhores que moram em S.Bento que respondam.

    ResponderEliminar
  3. José Castrodezembro 29, 2007

    Julgava que havia preocupação em relação à baixa natalidade. Pelos vistos, enganei-me. O encerramento de maternidades e blocos de partos não me parece ser incentivador. Ah, deixo uma ideia (sou uma pessoa construtiva): Uma Conservatória de Registo Civil Simplex Na Hora para todas as ambulâncias que servem estas localidades que ficam distantes dos lugares apropriados para as crianças nascerem.

    ResponderEliminar
  4. Lá nisto o governo é coerente.
    Se apoia os abortos a la gardere para que é preciso maternidades?

    ResponderEliminar
  5. Nos campos de futebol, oiço-os a assobiar e a chamarem nomes aos árbitros, nos foruns da internet a protestarem contra isto e aquilo, fazem manifestações e...nada mais. Do futebol á politica Portugal está pôdre, o povinho fala fala mas não os vejo a fazer nada... Onde andam os capitães de Abril?

    ResponderEliminar
  6. Não compreendo a admiração do pessoal. Se ele é Ministro da Saúde, é para "tratar da saúde" ao pessoal! Fá-lo e de que jeito...

    ResponderEliminar
  7. M. Goncalvesdezembro 29, 2007

    Quando encerraram as vias ferreas para o interior tambem era para bem do povo!... Estes politicos incompetentes, anti humanos e anti portugueses optam pela solucao mais facil para eles, em vez de resolverem e melhorarem a qualidade de vida dos portugueses

    ResponderEliminar
  8. O único comentário possível é: revolta, revolta, revolta!!! O governo vem roubando, ao pôvo que que paga impostos, serviços de saúde uns atrás dos outros. Agora o ministro tem o desplante de dizer que é para bem das próprias populações! Haja (pelo menos) vergonha.

    ResponderEliminar
  9. Ribeiro Fernandesdezembro 29, 2007

    Sr ministro a gente compreende tudo o que voces dizem e fazem, mas, tb lhe garanto que todos nós estamos fartos de todos vos politicos que ganham rios de dinheiro e nada fazem para bem do povo e ainda levam o País à ruina. Diga-me là onde é que jà se viu tirar ao povo o pouco que hà e ainda vem dizer que o povo vai compreender.

    ResponderEliminar
  10. tantos lamentos tantos lamentos para que? eles fazem o que querem porque foram voces que os la meteram.votem neles outra vez.

    ResponderEliminar
  11. Esperem, tenham calma, que ainda vão ver este ministro da Saúde como administrador do Grupo Mello Saúde!

    ResponderEliminar

Deixe aqui a sua marrada.
O Bode Ranhoso agradece a sua Chifrada.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...