segunda-feira, agosto 18

As nossas férias acabaram.


O nosso distinto 1° Ministro "Diplomado" está orgulhoso em apresentar 133 mil novos postos de trabalho, mas não exemplifica como?
O nosso estimado 1° ministro é mesmo um génio, regressa de férias, e eis, como que por magia, anuncia a criação de 1200 postos de trabalho, o melhor é mandá-lo de férias todos os meses, assim talvez chegue ais tais 150 mil postos de trabalho.
As férias do nosso "Engenheiro" acabaram mesmo a tempo de falar dos empregos da PT, nem de propósito, calhou não é?
Quando é que este sacana vai parar de fazer de nós parvos!
No mesmo período emigraram de Portugal 150 mil portugueses, assim é fácil.... Despede 150.000, e obriga-os a emigrar e contrata 150.000 estão criados 150.000 novos empregos, eu gostaria que o pseudo-engenheiro disse-se quantos empregos destruiu e então poderíamos fazer as contas.
O que o Pinócrates não explica é a forma como contabilizou esses postos de trabalho, ou seja, será que deduziu as reformas e pré-reformas?
Será que considerou os cursos como trabalho?
Será que incluiu o programa novas oportunidades como empregos?
Faça lá a listinha Sr. 1º Ministro.
No meu ponto de vista não passa de propaganda para as próximas eleições, acabaram as férios do nosso "engenheiro" e terminaram as nossas férias (a demagogia e a mentira regressaram à actualidade do País).

Deixo aqui as contas feitas pelo Alberto João Jardim.
“Se neste momento há 200 mil desempregados a mais do que havia quando ele tomou posse e se ele criou 133 mil postos, isto significa que mandou para o desemprego 330 mil portugueses”, contabilizou João Jardim durante o seu habitual passeio matinal na praia do Porto Santo, adiantando que “somando mais os 100 mil que estão trabalhando em Espanha, significa que quase meio milhão de portugueses foram desempregados por este senhor”.


Latin da história: Carpe Diem...

Até á próxima.........


(as foto-montagens do Joaquim Mendes não são usadas neste blog com sentido depreciativo e o nome Bode Ranhoso é do autor deste blog,peço-vos que não o associem ao Sr Joaquim Mendes pois tenho o maior respeito por ele, sobre as fotomontagens não estão relacionadas com os artigos, são só devaneios do autor)

13 comentários:

  1. Pelo menos, durante este tempo, estivemos libertos das patacoadas e invenções do "amado e venerando lider"!
    P.S. Não quer prolongar por mais um mesito, não?

    ResponderEliminar
  2. Será que este homem entre tantas promessas feitas não consegue dizer uma verdade ? Como diz o povo,"coitado do mentiroso,mente uma vez mente sempre,ainda que diga verdade,todos lhe dizem que mente".

    ResponderEliminar
  3. Luís Guedesagosto 19, 2008

    O desmentido da Comissão de Trabalhadores da PT já saíu. E agora Pinócrates? Estamos à espera da reacção.

    ResponderEliminar
  4. Jorge Silvaagosto 19, 2008

    1200 empregos ? e quantos é que ficaram sem emprego ? bem mas isso ainda é o menos , o pior é que vou ter que continuar a gramar com o sorriso do homem , porreiro pá .

    ResponderEliminar
  5. Pena o nosso PM não poder mexer nos números de medalhas nos Olinpicos de Pequim, aposto que já teriamos umas 23 Medalhas

    ResponderEliminar
  6. Matias - Faroagosto 19, 2008

    Substituir empregos de um sector produtivo (o industrial) por outros da área do serviços é o futuro deste país? E como se cria riqueza num call-center?
    Daqui a dois anos vejam quantos empregados desse call são efectivamente de longa duração...

    ResponderEliminar
  7. ...o homem tem mesmo um NARIZ DE LONGO ALCANCE!!

    ResponderEliminar
  8. ISTO, É O QUE DÁ TIRAR CURSOS DE FIM DE SEMANA. Parece aquele jogador de casino, que perde-perde-perde-perde, e um dia sai-lhe um prémiosito e diz que está milionário.ESSA COISA QUE DIZ TER CRIADO TACHOS PARA 133MIL, NÃO FALA DOS QUE SE PERDERAM E IRÃO PERDER. ENFIM, SÃO OS DESGOVERNANTES QUE HÁ NESTE PAÍS.

    ResponderEliminar
  9. Moisés, Joséagosto 22, 2008

    À força de tanto mentir ele próprio acaba por acreditar nas mentiras que diz ou que lhe impingem.
    Os tais empregos são tão líquidos, tão líquidos que têm desaparecido no mar da pobreza envergonhada...

    ResponderEliminar
  10. Bino. Algésagosto 22, 2008

    Estou mas é cada vez com o Dr. Jardim; este gajo é perigoso ...

    ResponderEliminar
  11. Manuel Gomesagosto 22, 2008

    MAS...alguém de bom senso acredita nesta PETA?
    - Lá está o falso INGINHEIRO (assim com I) a tentar enganar, mais uma vez) o ZÉ.
    - Será que o ZÉ vai comer mais esta?

    ResponderEliminar
  12. Este gajo é um chuloagosto 22, 2008

    cada um é livre de dizer as asneiras que quiser
    só que ninguém acredita nestes números....QUE TAL OBRIGAR ESTE SENHOR A PUBLICAR EM PROMENOR AONDE FORAM CRIADOS ESTES EMPREGOS PARA FAZER O QUÊ, E QUAL A SUA DURAÇÃO....

    ResponderEliminar
  13. Quem diz que a Matemática é uma ciência exacta, não conhece o INE!

    O número de ‘falsos empregados’ pode ser superior a 100 mil. Este é o universo de pessoas em formação profissional remunerada e que, por isso, não são consideradas desempregadas à luz dos critérios usados pelo Instituto Nacional de Estatística

    IN Jornal SOL

    ResponderEliminar

Deixe aqui a sua marrada.
O Bode Ranhoso agradece a sua Chifrada.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...