sábado, janeiro 26

Coragem

O bastonário da Ordem dos Advogados diz que “há crimes sem castigo na hierarquia do Estado” e defende uma “investigação político--parlamentar às fortunas de alguns políticos”.

Só posso dar os parabéns ao senhor bastonário, infelizmente são poucos aqueles que conseguem, em cargos dessa envergadura, ter a lucidez que observo nas suas declarações.
Todo (quase todo) o povo sabe do que o senhor está a falar, os chupistas já se revoltam. Pela primeira vez vejo um bastonário interventivo e capaz de ir além da retórica do discurso.
Por isso não o queriam como Bastonário, o Senhor Doutor põe a boca no trombone e incomoda muita gente, é bom sinal, está no caminho certo o caminho que escolheu não para ficar rico mas para se sentir bem com a sua consciência. Não perca a coragem pois tem pelo menos um adepto.
Aguardo com alguma curiosidade para ver o que vai acontecer, após estas declarações do Sr. Bastonário da Ordem dos Advogados. As entidades de investigação, por mais que quisessem, desta vez, não podem ficar caladas e indiferentes. Estamos perante acusações que, a serem verdade, envergonham qualquer democracia, por muito jovem que seja.
Desta vez, não podem enterrar a cabeça na areia, como muitas vezes acontece.
Dr. Marinho Pinto parabéns pela sua coragem, mesmo que parte do Povo Português não mereça o seu sacrifício!

Até á próxima.........

(as foto-montagens do Joaquim Mendes não são usadas neste blog com sentido depreciativo e o nome Bode Ranhoso é do autor deste blog,peço-vos que não o associem ao Sr Joaquim Mendes pois tenho o maior respeito por ele, sobre as fotomontagens não estão relacionadas com os artigos, são só devaneios do Autor)

6 comentários:

  1. até que enfim que aparece alguém (com eles no lugar) para desmascarar os nossos políticos, força senhor bastonário e senhor jornalista que se intitula da bode ranhoso eu adoro os seus comentários.

    ResponderEliminar
  2. José Matosmarço 08, 2008

    Então e o marinho pinto não têm razão? Têm toda, haja alguém com coragem para dizer o que estes senhores não querem ouvir.

    ResponderEliminar
  3. Manu lopesmarço 08, 2008

    Concordo plenamente. Só quem ignora essse mundo de corruptos é que pode estar contra as palavras do Sr. Marinho Pinto. Todos nós conhece alguem que teve ,de uma maneira ou outra, de se "chegar á frente" para ver uma situação resolvida ou até "abafada" porque pelas vias normais nunca chegaria lá. Enquanto não se puderem denunciar estas situações a corrupção vai continuar.

    ResponderEliminar
  4. Tijelas meias, tijelas cheias...
    São como aranhas, tecendo teias
    Da estupidez fizeram hinos
    Bradam aos céus que nem suínos
    Com casa cheia que nem formigas
    Costuram "rendas" tecem intrigas...

    Bocas torcidas, esgares de troça
    À hipocrisia vão buscar força
    Massa cinzenta atrofiada e leve
    Dá ao diabo tudo o que lhe pede
    Mas se a tijela um dia se parte
    Nem eu, nem nimguém, de rir se farte...

    ResponderEliminar
  5. Antonio Alvesmarço 08, 2008

    E agora sr Presidente Cavaco Silva? Depois de tantas denuncias publicas de figuras importantes ,responsaveis, e bem colocadas apontando o dedo à Assembleia da Republica ,ao Governo, Autarquias,Bancos etc,etc como principais responsaveis da corrupção em Portugal,alguem vai ter que, com mão de ferro, por ordem nisto tudo.Esse alguém só pode ser a Presidencia da Republica (que parece é o que resta aos cidadãos).Se não o fizer será arrastado para o mesmo lamaçal ficando com o onus da gravissima desordem social que inevitalvelmente se instalará.Estão enganados os que pensam que a UE não deixará cair o Pais numa desordem--penso até que haverá interesse da UE que isso aconteça,facilitaria a criação do tal espaço Ibérico(que infelizmente um dia acontecerá.Enfim tudo isto é um pesadelo! SR Presidente fique com a certeza duma coisa....é que a vontade de se fazer justiça pelas proprias mãos é enorme neste momento(e com razão),os pobres e injustiçados estão a chegar à fase de desespero.

    ResponderEliminar
  6. É uma situação de conflito de interesses, o Estado (representado pelos dirigentes do PS) é demandado por um dirigente do PS (apoiado pelo aparelho do PS que representa o mesmo Estado).
    Como é óbvio, impunha-se a nomeação de alguém que de forma imparcial defendesse os interesses do Estado.
    Sugiro que se peça à UE a nomeação de um Defensor Oficioso para o efeito.

    ResponderEliminar

Deixe aqui a sua marrada.
O Bode Ranhoso agradece a sua Chifrada.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...