sexta-feira, março 21

A menina dos cinco olhos, faz falta.


O video que ontem foi apresentado nos telejornais é deveras chocante e revela um pouco a juventude de Hoje, mal educada, agressiva e desprovida de valores como o respeito pelos mais velhos, a "matulona" malcriada e os seus colegas trocistas mereciam ser severamente castigados.
É a irresponsabilidade colectiva, os pais não educam e despejam os filhos nas escolas à espera que professores sem autoridade lhes transmitam valores para a vida, basta assistir à reacção de Marco António, ilustre vice da Câmara de Gaia, em que ele não sabia de nada pois ia a trabalhar com o Aguiar e não se apercebeu dos 190km hora da viatura, e numa fuga para a frente, muito indignado, lastimou- se que a GNR ia num carro descaracterizado (se calhar só podem interpelar o cidadão comum).
O Sr. político minimiza o facto de ter violado gravemente uma disposição do código rodoviário, e quem fiscaliza e quem testemunha é que são os violadores da lei.
Aposto que a sua grande mágoa foi haver jornalistas, e não fosse isso ele tinha resolvido a questão com umas palmadinhas nas costas e sorrisos de circunstância, à boa maneira portuguesa, daí certamente não haver mais notícias de ilustres dignatários desta república a serem apanhados a transgredir a lei, num país que estes exemplos vêm de cima e não existe censura social, a própria comunicação social abastem-se de comentar tais comportamentos indignos, não se pode esperar muito dos nossos jovens.
Mas sempre fica bem esta aparente indignação de vários quadrantes, como se já não soubessem como a situação está perto de ficar fora de controlo, para mim a culpa não é dos governos é dos pais de certos adolescentes que não lhe sabem dar educação.
Gostaria de saber o que vão fazer os pais desta aluna em relação à atitude da filha.
A Patrícia e os colegas são somente aquilo que os pais lhe transmitiram e que infelizmente não tinham muito para dar.
A Prof. Implica comigo. Tadinha da menina, o que fará nas aulas para tal coisa acontecer?
Agora passou a vítima?
Agora é que pensou nos seus paizinhos? E na professora? Ao menos já foi ter com ela e lhe pediu desculpas pelo comportamento? Só agora é que se dá conta do gravíssimo acontecimento porque foi filmado.
Comigo seria expulsa sem apelo nem agravo.
Que raio de filhos estamos todos a educar?


Latin da história: Mali corvi malum ovum...

Até á próxima.........

(as foto-montagens do Joaquim Mendes não são usadas neste blog com sentido depreciativo e o nome Bode Ranhoso é do autor deste blog,peço-vos que não o associem ao Sr Joaquim Mendes pois tenho o maior respeito por ele, sobre as fotomontagens não estão relacionadas com os artigos, são só devaneios

9 comentários:

  1. Ricardo Vizelamarço 22, 2008

    Em primeiro lugar acho que a aluna deve ser suspensa ou até expulsa da escola, e todos os outros alunos da aula devem ser repreendidos por escrito que ficará registado no seu processo escolar. Uma vez por todas devem ser proibidos a entrada de telemoveis nas aulas seja a que pretexto for, caso tal não seja possível que seja implementado em todas as escolas um sistema que impossibilite o funcionamento de telemóveis na zona da escola. Há que haver respeito por quem nos ajuda e sermos alguém na vida. Para casos deste género há que ter a mão bem pesada tanto para alunos como para pais que pactuam com situações deste género.

    ResponderEliminar
  2. Manuel Alves-VilaRealmarço 22, 2008

    No meu tempo, não havia telemóveis e ninguém se queixava.As notícias sabiam-se na mesma.Fora com os telemóveis na aula!!!

    ResponderEliminar
  3. Carlos Dantas- Leiriamarço 22, 2008

    Èsta miuda tem futuro , ainda a hei-de ver no governo.

    O outro tambem comprou o Diploma e é mentiroso.

    ResponderEliminar
  4. Luisa Andrade -Portomarço 22, 2008

    Expulsão imediata da aluna, e como é menor de idade que os pais sejam levados a tribunal para responderem pela filha e que sejam condenados por não a educarem como é a sua obrigação. Sem apelo nem agravo. E para servir de lição a outros mais.

    ResponderEliminar
  5. A professora não fez nada porque estava em causa o seu trabalho e acho que quem de direito tome providencias severas porque não estamos numa republica das bananas.

    ResponderEliminar
  6. Este é o resultado de obrigar toda a gente a permanecer na escola mesmo que a sua intenção não seja estudar.

    ResponderEliminar
  7. Numa época em que ter telemóvel é o mesmo que ser cidadão, parece-me ridículo falar em educação. Educação meus Srs; educação têm os políticos que não se metem em assuntos destes. De "entre marido e mulher não se mete a colher" a "entre Aluna e Professora não se mete telemóvel" vão pelo menos 32 anos de uma liberdade usada no mínimo de forma lamentável.
    Parece-me inevitável que situações como estas aconteçam.
    Após tudo o que já se viu e foi dito apenas me lembro da pergunta que qualquer pessoa faz quando do outro lado atendem: "onde estás" mas na versão "onde estás Portugal?". Dá, Dá, Dá cá; tira daí a mão; "já ninguém põe mão nisto".

    ResponderEliminar
  8. Eu tenho que concordar com o amigo Kruzes Kanhoto, querem obrigar toda a gente a estudar, e depois da no que da.
    Muitos falam em expulsar a miuda, mas os maiores culpados são os pais, que não a souberam educar.

    ResponderEliminar
  9. Eu preferia que a "menina" fosse castigada com uma duzia de reguadas de palmatoria bem dadas nas palmas das maos e meia duzia a cada um dos restantes alunos. Um a um na sala do director(a) da escola.
    Querem uma aposta de que nessa escola nunca MAIS aconteceria nada parecido?

    ResponderEliminar

Deixe aqui a sua marrada.
O Bode Ranhoso agradece a sua Chifrada.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...